6 de fev de 2019

Resenha: tinta para cobrir cabelos brancos da Keune - Castanho sem fundo avermelhado


Oii gente! Quanto tempo né? Voltamos com o blog COM TUDO! Estamos muito empolgadas para o ano de 2019, vários projetos estão por vir e preparem-se para estarem presentes por aqui, pois garantimos para vocês que esse ano terão muitos posts incríveis nesse blog (que sempre foi e sempre será o nosso xodó).

E no post de hoje (primeiro do ano) já vou abordar um assunto polêmico: cabelos brancos! Quem também tem? Eu tenho váááários, ao ponto de ter que pintar de 15 e 15 dias. Pois é, no auge dos meus 25 anos estou grisalha, a vida nem sempre sai como o planejado não é mesmo? Rsrsrs.


A primeira vez que eu percebi alguns fios brancos foi na época da universidade, lá estava eu no banheiro e quando olhei no espelho, logo avistei um fio reluzindo em meio aos outros fios escuros. Na época eu não "dei muita moral", mal sabia eu que dali em diante eu ganharia uma mancha branca bem na frente do cabelo!

Sim, os cabelos brancos se concentram na parte frontal do lado direito, é como uma mancha mesmo, ou seja, extremamente visível. No início eu conseguia disfarçar jogando o cabelo para o outro lado, aguentei ao máximo sem pintar... Mas os fios brancos multiplicaram tanto que chegou um momento em que tive que me render à tinta! Confesso que fiquei bem triste, pois nunca me imaginei pintando o cabelo por esse motivo tão jovem, mas, a vida tem dessas coisas e eu tive que me adaptar à nova rotina.

Foi aí que começou a minha saga pela tinta de cabelo ideal. Meu cabelo natural é castanho médio e sempre gostei muito da cor, então fui até uma loja de cosméticos comprar minha primeira tinta de cabelo super desinformada rsrsrs. Olhei aquele paredão de marcas e opções, achei uma marca com o preço "ok" e peguei logo o castanho médio. Até então parecia simples né?

Foi simples até eu fazer a primeira aplicação... Depois de lavar e secar o cabelo, eis a realidade: meu cabelo estava com um fundo quente super evidente. O castanho estava lá, mas junto também estava um fundo avermelhado que destacava ainda mais no Sol... Como a mancha branca é apenas na frente, eu pinto somente essa região, me recuso a aplicar a tinta na raiz toda, ou seja, eu passei de uma mancha branca para uma mancha castanho avermelhado rsrsrs.

Fiquei super frustrada, pois meu cabelo estava com dois tons de castanho. Voltei na loja e procurei informações a respeito da tinta e foi então que descobri que 90% das tintas na cor castanho tem o fundo quente, pensa no meu desânimo! Eu amava meu castanho natural médio acinzentado! Entre perguntas e muita conversa, aprendi que eu deveria misturar duas tonalidades diferentes até chegar em um fundo frio, porém, achei muito complicado e fiquei com medo de tentar e piorar a situação.

Foi então que comecei a pesquisar mais a fundo sobre marcas e numeração de cores, e descobri que apenas marcas profissionais - e bem mais caras - oferecem os tons mais naturais e próximos da realidade do castanho. A princípio a numeração 4.1 era o castanho acinzentado que eu tanto queria, até consegui usar uma tinta que deu certo, porém, essa numeração saiu de linha (não sei porque) e as marcas não produzem mais.

Recentemente fui novamente em uma loja de cosméticos (dessa vez em Goiânia quando eu estava em férias) e contei a minha novela para a vendedora e ela se comoveu com minha luta rsrsrs. Foi bem sincera a respeito dos resultados das tintas e me indicou a marca Keune, de imediato eu já confiei na qualidade, pois minha cabeleireira só usa produtos Keune e os resultados no meu cabelo são ótimos! Resolvi abrir o bolso e investir na tinta sugerida - com muita convicção - pela vendedora. 


Comprei a Keune Tinta Color 6.19 e a vendedora me garantiu que eu não teria um fundo quente e sim, um fundo bem natural como a cor do meu cabelo. Paguei R$ 62,00 e ganhei a Oxigenada Keune Tinta Developer 20 volumes de brinde (nessa parte eu fiquei bem feliz hahaha). A tinta é uma coloração que promete cobrir até 100% dos fios brancos, possui baixo teor de amônia e é totalmente livre de PPD Parafenilenodiamina (grande causador de alergias, achei isso ótimo pois sou bem sensível). E também, possui o ingrediente Cocamida MEA, derivado do óleo de coco, que além de condicionar o cabelo, impede que a coloração manche a pele e/ou o couro cabeludo.




As propostas são boas né?! Saí da loja confiante e fui para o experimento logo no dia seguinte. Desde o início eu mesma pinto meu cabelo, até porque ir ao salão de 15 em 15 dias não rola né?! Aaaah, vale lembrar que já tentei usar tonalizantes, hennas e outros tipos de colorações mais leves e menos agressivas e não tive bons resultados, simplesmente não cobriam os cabelos brancos. 

Fiz a preparação da tinta, apliquei, esperei o tempo necessário, lavei e tchãn tchãn tchãn tchãn... Olhei no espelho e: SIIIIMMMMM, A COR ESTAVA IDEAL! Nem se quer parecia que eu havia pintado, não dava para separar meu cabelo natural do cabelo pintado, foi a cor mais real e natural que eu já usei. Sem contar que a cobertura é excelente, fiquei tão feliz que logo pensei em compartilhar com vocês!

Resumindo, depois de toda a saga e um cabelo 50 tons de castanho hahaha, encontrei a tinta ideal! Indico de olhos fechados e tenho certeza que se você também procura um castanho sem aquele efeito vermelho, você vai amar a Keune assim como eu! Vale a pena cada centavo do dinheiro gasto! Você pode conferir outros produtos Keune no site oficial da marca, é só clicar aqui.

Espero que eu tenha ajudado vocês um pouquinho sobre esse assunto! Quem sabe um dia eu assuma a mecha branca e use um visual diferente, mas por enquanto, eu prefiro pintar e "seguir o baile". Comenta aqui qual tinta você usa e se você já teve alguma experiência boa ou ruim no seu cabelo!

Um beijo duplo e até o próximo post!

Aru.
Instagram @tudoemdosedupla

5 comentários:

  1. Tenho um fio branco na sobrancelha desde criança, não importa quantas vezes eu arranque, ele sempre nasce de novo no mesmo lugar hahahaha, acho que vou aderir em pintar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAHAHAHA rimos muito do teu comentário!! Só você mesmo Luana...

      Excluir
  2. Aí comecei minha saga de pintar por causa dos cabelos brancos, vem cedo como vc, hj tenho 36 anos e eles só se multiplicam. Odeio ter que ficar pintando também, mas me Recuso ficar grisalha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ruim demais né.. Eu fico bem chateada rsrsrs. Mas fazer o que né.. Vida que segue!

      Excluir
  3. Bom eu tenho cabelos brancos no lado, porém tinjo fazem uns 3 anos, e não acho ruim tingir, é um procedimento simples. Vc aplica o produto deixa uns 35 min e lava. Nada demais.

    ResponderExcluir